Chuva deixa zonas norte e leste de SP em estado de atenção

As chuvas que atingem a cidade de São Paulo desde a manhã deste sábado já causam estado de atenção para alagamentos na zona norte, leste e na marginal Tietê, região onde a chuva é mais forte.

A escala usada pelo CGE (Centro de Gerenciamento de Emergências) passa por observação (condições normais), atenção (possibilidade de alagamentos), alerta (transbordamento de rios e córregos) e alerta máximo (estado de calamidade pública).

De acordo com imagens do radar do órgão, a chuva varia de leve à moderada na zona sudeste e em parte da zona sul. Por conta da chuva, o aeroporto de Congonhas (zona sul) ficou fechado para pousos e decolagens das 16h34 às 16h54.

Apesar da chuva, a CET (Companhia de Engenharia de Tráfego) não registrava nenhum ponto de alagamento na cidade por volta das 17h10.

Em municípios da Grande São Paulo como Mairiporã e Guarulhos, a chuva segue forte. Nas próximas hora, a previsão é que a chuva continue se deslocando sobre a capital paulista.

PREVISÃO

O domingo (12) será de muita nebulosidade e chuvas, alternadas com períodos de melhoria ao longo do dia.

As temperaturas variam entre mínimas de 19 ºC e máximas que não devem superar os 26 ºC. A continuidade das chuvas e o solo encharcado elevam os riscos para alagamentos e deslizamentos de terra, segundo o CGE.

O tempo começa a melhorar no início da próxima semana, quando o sol volta a predominar e favorece a elevação das temperaturas. Entretanto, ainda há previsão de pancadas de chuva no período da tarde.

Fonte: Folha.com