Siemens e Shangai Eletric criam aliança eólica de US$ 226 milhões

Em um acordo de US$ 226 milhões batizado de Aliança de Energia Eólica da China, a Shanghai Electric transferirá todos os seus negócios eólicos para duas novas joint ventures criadas em parceria com a Siemens. 

A primeira joint venture, SmartPower Wind Turbine, ficará responsável pela pesquisa e produção de equipamentos para o mercado chinês e para a Siemens. A segunda, Shanghai Electric Wind Energy,  será especializada em vendas, marketing, gerenciamento de projetos e outros serviços.

Pelo acordo, a Shanghai Electric será a sócia majoritária com 51% das ações, ficando 49% para a Siemens.

“Nosso objetivo é nos tornarmos os líderes mundiais no fornecimento de turbinas eólicas. Este acordo também significa que entramos de vez no mercado chinês”, afirmou Michael Suess, CEO do setor de energia da Siemens.

A China produz atualmente mais de 40GW em energia eólica, sendo assim o principal produtor mundial. O governo estabeleceu a meta de chegar a 150GW até 2020.

 
Fonte: Instituto Carbono Brasil
 
Siemens e Shangai Eletric criam aliança eólica de US$ 226 milhões

Siemens e Shangai Eletric criam aliança eólica de US$ 226 milhões