Bélgica fará ilha artificial para armazenar energia

A Bélgica planeja construir uma ilha artificial no Mar do Norte para armazenar energia eólica. A estrutura que ficará a três quilômetros da costa Belga feita de areia terá o curioso formato de um donut.

Atualmente, 57% da energia consumida no país é obtida por usinas nucleares. Somente 4% da eletricidade é produzida em parques eólicos. Como o governo da Bélgica encontrou problemas em dois reatores e decidiu terminar o programa nuclear até 2025, as autoridades resolveram buscar novas alternativas.

Segundo a Reuters, a ilha é uma dessas opções. Os planos foram anunciados pelo ministro do Mar do Norte, Johan Lanotte, que explicou que o país tem capacidade para produzir uma grande quantidade de energia eólica.

A ideia é que a ilha armazene o excesso de energia produzida por parques eólicos instalados no mar. Isso porque quando o vento acalma, a produção de energia tem de ser suportada por outra fonte de energia. Além disso, o espaço vazio no centro teria reservatórios de água para manter os níveis de energia equilibrados.

Portanto, quando a produção de energia for muito além do previsto, o sistema da ilha bombeará a água do centro da ilha para fora. Já para recuperar a energia, um sistema de comportas permitirá que a água do mar volte a entrar e ative turbinas que gerarão mais energia assim como acontece em usinas hidrelétricas.

Se o projeto da ilha for aprovado, a construção ficará pronto entre dois e cinco anos. Quando isso acontecer, a ilha artificial aumentará a capacidade eólica da Bélgica para 4.000 MW.

Foto: F.d.W / Creative Commons

Fonte: INFO Online

Atualmente, 57% da energia consumida no país é obtida por usinas nucleares. Somente 4% da eletricidade é produzida em parques eólicos

Atualmente, 57% da energia consumida no país é obtida por usinas nucleares. Somente 4% da eletricidade é produzida em parques eólicos