Nuvem de poeira de asteróide pode ser solução para aquecimento global

Cientistas escoceses afirmaram que a emissão de poeira emitida por um asteróide poderia proteger o planeta das radiações solares, como um “guarda-sol”. Os pesquisadores chegaram à conclusão analisando uma imagem obtida pela sonda da NASA Dawn, em 2011.

Segundo os estudiosos, seria possível capturar a nuvem de poeira emitida pelo asteroide 1036 Ganymed, que é considerado o maior próximo do planeta, com 500 mil quilos. Ele se posiciona quatro vezes mais longe que a Lua (a distância entre a Terra e a Lua é de 380 km).

Os pesquisadores também acreditam que, a nuvem chegaria a, aproximadamente, 2,6 mil Km de poeira, o que bloquearia 6,58% da radiação solar. O fato combateria o aquecimento global.

O cientista Russel Bewick, da Universidade Espacial de Strathclyde, na Escócia, defende que uma asteróide desse tipo pode ser uma ameaça para o planeta Terra, mas que as nuvens podem, realmente, auxiliar o mundo. Não há possibilidade de realizar teste prévio para certificar-se da eficácia do projeto.

* Com informações da Exame.com.

Fonte: EcoD

FanPage AmbientalSustentávelCurta nossa página do facebook
Nuvem de poeira de asteróide pode ser solução para aquecimento global

Nuvem de poeira de asteróide pode ser solução para aquecimento global