E se as ciclovias fossem suspensas?

Usar a bicicleta como meio de transporte diário nas grandes cidades é desafiador. É preciso atenção, agilidade e uma dose extra de segurança. Principalmente se você viver em uma cidade que ainda não a enxerga como meio de transporte e não respeita seu espaço no trânsito. O perigo da convivência com carros e ônibus – que realmente existe em alguns lugares – faz com que muitos simpatizantes da magrela não enfrentem as ruas no seu dia a dia. É o caso do arquiteto inglês Sam Martin, que decidiu transformar seu medo em motivação.

Martin projetou o SkyCicle, que, como seu nome sugere, pretende levar os ciclistas aos céus. A ideia é que a cidade de Londres, na Inglaterra, abrigue um túnel suspenso ligado às estações de metrô para servir de ciclovia. O arquiteto – que é diretor do escritório Exterior Architecture* – garante que a obra atrairá mais adeptos da bicicleta e que, no céu, as pessoas terão mais segurança para pedalar na cidade.

Apesar de parecer muito futurista, o SkyCicle tem chances de sair do papel! Segundo declarações de Martin, o projeto agradou a Boris Johnson, prefeito de Londres, que já estaria conversando com a Network Rail, empresa que desenvolve e administra a rede londrina de metrô, para viabilizar o SkyCicle até 2015.

Mesmo com a conversa em estágio inicial, já se discute se os ciclistas teriam de pagar para usar a via suspensa. A intenção é cobrar uma libra esterlina por viagem, taxa mais barata do que a cobrada pelo transporte público.

Como funciona a relação entre ciclistas e motoristas na sua cidade? É ideal separar o espaço dos ciclistas? E se as ciclovias fossem suspensas? Conte sua experiência.

Fonte: Planeta Sustentável – Blog da Redação

E se as ciclovias fossem suspensas?

E se as ciclovias fossem suspensas?

Tags: