Educação ambiental na prática = Bons resultados

Seguindo a premissa de que todos os dias deveriam ser dedicados ao meio ambiente e outras questão tão importantes quanto, os Guardiões do Mar seguem realizando suas atividades rotineiras de sensibilização da sociedade principalmente para alunos e professores da rede pública.

Hoje (30/06/11) foi um dia bem produtivo, como tem sido todos os demais. Técnicos da Ong realizaram cursos para Catadores de Material Reciclável para a Cooperativa Quitungo (COOPQUITUNGO/RJ), em Brás de Pina/RJ.

Os cursos fazem parte da estratégia de capacitação/qualificação de catadores de material reciclável atendidos pelo Projeto CataSonhos, patrocinado pela PETROBRAS e realizado pelos Guardiões. Nesta data foram realizadas capacitações de: Atendimento aos stakeholders; Classificação de Materiais Recicláveis; Cooperativismo. Foi muito bom ver a participação e vontade de crescer desses catadores.

Na mesma data os Guardiões se fizeram representar em uma escola municipal de Itaboraí/RJ, no bairro Apolo. Foram proferidas duas palestras para alunos do ensino fundamental, sendo uma pela manhã (130 alunos) e outra a tarde (+ de 150 alunos).O tema foi: Consumo Consciente e uso racional da água. Houve grande comoção e todos (alunos e professores), mobilizados, vão doar recicláveis para os catadores atendidos pela Rede CataSonhos. Uma Big Bag foi deixada na escola e esperamos que em poucos dias possamos retornar para recolher os recicláveis.

Seguindo a temática foram mostradas fotos e produtos de cooperativas de artesanato incubadas pelos Guardiões. Falamos sobre o reaproveitamento e sua ligação com o tema Consumo Consciente. Os professores gostaram tanto, que pediram para que nas férias de julho realizássemos oficinas de reaproveitamento de recicláveis para artesanato. É muito bom quando há envolvimento da sociedade!

As palestras fazem parte de uma ação do COMPERJ com a participação dos Guardiões do Mar, em comemoração ao mês do Meio Ambiente.

Ficamos todos bastante entusiasmados com os resultados, tanto dos catadores, quanto dos alunos. O bem é ver educação ambiental na prática. Trabalhamos dessa forma: todos os dias tentar sensibilizar uns poucos, porque um dia, seremos muitos.

 

Fonte:guardioesdomar