Apreendida no Paraná madeira que seria exportada para a Argentina

Foto: Ibama/PR

Foto: Ibama/PR

Curitiba (21/11/2014) – Tendo em vista que o Porto Seco de Foz do Iguaçu, no Paraná, está entre os maiores da América do Sul em movimentação de cargas rodoviárias, o Ibama tem intensificado as ações de fiscalização e controle na área da tríplice fronteira, com destaque para as atividades vinculadas a transporte de produtos e subprodutos florestais, transporte de produtos perigosos e produtos vinculados aos protocolos internacionais. Como resultado, nesta semana, agentes do Ibama apreenderam, naquele porto,45,52 m³ de cedro-rosa (Cedrela odorata).

A espécie está inserida no Anexo III da Cites (Convenção sobre o Comércio Internacional de Espécies da Flora e Fauna Selvagens em Perigo de Extinção) e, para ser comercializada internacionalmente, é necessária a anuência do Ibama.
A carga de madeira foi identificada durante o processo de exportação que tinha como destino a Argentina e vinha do estado de Rondônia, com valor aproximado de R$ 90 mil. A mesma empresa já havia sido autuada há três meses por transporte ilegal de madeira da espécie cerejeira (38m³), também com destino à Argentina.
Ibama/PR
Fonte: http://www.ibama.gov.br/publicadas/apreendida-no-parana-madeira-que-seria-exportada-para-a-argentina
Print Friendly, PDF & Email