Migrantes são essenciais para o desenvolvimento de um país

ONU fez esta afirmação ontem, data em que foi comemorado o Dia Internacional dos Migrantes

Migrantes são essenciais para o desenvolvimento de um país

No Dia Internacional dos Migrantes, comemorado ontem (18), a Organização das Nações Unidas (ONU) afirmou que os migrantes são essenciais para o desenvolvimento social e econômico equitativo, inclusivo e sustentável de um país, sugerindo, assim, que as pessoas e os governos de todo o mundo abracem a migração e acabem com a xenofobia.

O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, ressaltou que é importante que a migração seja benéfica para os dois lados, para quem chega e para quem recebe. “Vamos fazer com que a migração beneficie tanto os migrantes quanto os países. Nós devemos isso aos milhões de imigrantes que, através da sua coragem, vitalidade e sonhos, ajudam a tornar nossas sociedades mais prósperas, resilientes e diversas”, disse.

Atualmente, existem cerca de 232 milhões de migrantes internacionais, espalhando nos países que chegam benefícios consistentes através do trabalho. No entanto, “esta importante população continua, em grande parte, invisível e desconhecida para a sociedade”, afirmou Ban.

 

A ONU vem agindo para proteger os direitos dos migrantes, reduzir os custos sociais e econômicos da migração e promover políticas que maximizem os benefícios da mobilidade. De acordo com o presidente da Assembleia Geral da ONU, John Ashe, os Estados-membros têm o compromisso de fazer um trabalho melhor de proteger os direitos legais e humanos dos migrantes no mundo todo.

Para ele, os migrantes devem ter aceso aos instrumentos normativos, institucionais e processuais para que seja projetados contra a precariedade contratual ou situacional. “Agora é a hora de transformar a nossa visão em ação. É a hora de cumprir nossa promessa e fazer a diferença na vida de milhões de migrantes em todo o planeta”, revelou John.

 

(No Pátio)
Fonte: http://www.nopatio.com.br/ecofriendly/migrantes-sao-essenciais-para-o-desenvolvimento-de-um-pais/
Foto: Reprodução

Print Friendly, PDF & Email