Metas do Milênio reduziram pela metade pobreza global

O Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, afirmou, esta sexta-feira, que as Metas de Desenvolvimento do Milênio ajudaram a reduzir a pobreza global pela metade.

A declaração de Ban foi feita num evento na sede da ONU para marcar os mil dias de ações para o cumprimento desses objetivos, cujo prazo termina em 2015.

Descrença

O chefe da ONU afirmou que apesar da “descrença dos críticos”, que diziam que as metas seriam abandonadas ou eram muito ambiciosas, vários resultados foram alcançados.

Ban disse que houve uma melhora no acesso à água potável e às condições de vida em favelas. Além disso, mais meninas estão frequentando escolas e a mortalidade infantil está caindo drasticamente.

Alerta

Mas o Secretário-Geral alertou que o mundo continua lutando contra a extrema pobreza, a desigualdade e a falta de saneamento básico. Para ele, a mudança climática ainda representa um perigo real.

Ban afirmou que agora faltam menos de mil dias para acelerar as ações, incluindo a autonomia de mulheres e meninas, o controle fiscal e a mobilização de governos e povos.

Jovens

O chefe da ONU declarou que as ideias e as inspirações dos jovens são especialmente importantes nesta fase.
Segundo ele, uma ação agora dará força para se pensar como combater os desafios ao desenvolvimento sustentável pós-2015.

(Rádio ONU)

Metas do Milênio reduziram pela metade pobreza global

Metas do Milênio reduziram pela metade pobreza global

PrintFriendly and PDF