Petrobras e Vale discutem parceria para produção de biodiesel

Petrobras e Vale, duas das maiores companhias brasileiras dos setores de petróleo e mineração, respectivamente, estudam a possibilidade de parceria para a produção de óleo de palma e biodiesel no estado do Pará.

O presidente da Petrobras Biocombustível, Miguel Rossetto, visitou na terça-feira, 14 de agosto, a convite do diretor global de Energia da Vale, João Coral, uma planta de extração de óleo de palma desta empresa no município de Moju.

O projeto da Vale prevê a produção de biodiesel B20 (20% de óleo de palma) para atender a suas operações no Brasil a partir de 2015. Atualmente conta com áreas de plantio e uma extratora com capacidade de produzir 25 ton/hora de óleo. A mineradora vai construir mais uma planta extratora e uma usina de biodiesel no estado.

A Petrobras Biocombustível também implementa uma usina de biodiesel no Pará. O empreendimento, definido no Plano de Negócios e Gestão 2012-2016, terá capacidade de produzir 230 milhões de litros de biodiesel por ano, para atender à região Norte do país.

Vale e Petrobras assinaram, em abril deste ano, um protocolo de Intenções que trata de projetos conjuntos em andamento nas áreas de potássio, fertilizantes nitrogenados, termelétrica, ativos de petróleo, gás e de biodiesel, além de logística. O documento tem como objetivo estudar a viabilidade técnico-econômica dos projetos de interesse comum entre o Sistema Petrobras e a Vale.

Fonte: EcoD

FanPage AmbientalSustentávelCurta nossa página do facebook
O óleo de palma, também conhecido como dendê, é eficaz na produção de biodiesel.  Foto: CasalMALY

O óleo de palma, também conhecido como dendê, é eficaz na produção de biodiesel.
Foto: CasalMALY

Print Friendly, PDF & Email