Operação retira garimpeiros de terras indígenas na fronteira do Amazonas

Garimpo estava localizado em terras indígenas na fronteira com a Colômbia (Foto: Divulgação/2ª Brigada de Infantaria de Selva)Garimpo estava localizado em terras indígenas na fronteira com a Colômbia (Foto: Divulgação/2ª Brigada de Infantaria de Selva)

A ‘Operação Curare’, do Comando da 2ª Brigada de Infantaria de Selva, retirou garimpeiros que atuavam em terras indígenas no Amazonas, em uma área conhecida como Serra dos Porcos, na fronteira brasileira com a Colômbia, na região do alto Rio Içana, próximo à comunidade indígena de São Joaquim. A ação teve início na quinta-feira (8).

A área de garimpo de ouro possuía quatro abrigos e aproximadamente 80.000 m². Foram localizados ainda 21 indígenas, sendo eles homens, mulheres e crianças, e quatro de nacionalidade colombiana.

No local, foram encontradas baterias, gerador de eletricidade, painel de captação para energia solar, equipamentos de comunicações, balanças de precisão, mangueiras de água usadas em motobombas e uma pequena quantidade de ouro em pó.

Indígenas foram retirados da área e encaminhados à Polícia Federal  (Foto: Divulgação/2ª Brigada de Infantaria de Selva)Indígenas foram encaminhados à Polícia Federal (Foto: Divulgação/2ª Brigada de Infantaria de Selva)

De acordo com o Comando, não houve reação ou tentativa de fuga por parte dos garimpeiros durante a abordagem. Todas as 21 pessoas encontradas foram evacuadas do local do garimpo para a comunidade de Yauaretê, onde passaram por inspeção médica, receberam alimentação e ficaram hospedados nas dependências do 1º Pelotão de Especial de Fronteira.

Na manhã do dia 10 de novembro, eles foram conduzidos em aeronaves militares para a sede da 2ª Brigada de Infantaria de Selva na cidade de São Gabriel da Cachoeira, onde foram novamente conduzidos à inspeção médica e encaminhados à Polícia Federal. Eles foram liberados após prestar depoimento e continuam no município.

O tenente coronel Luís Alberto Diniz Oliveira, da 2ª Brigada de Infantaria de Selva, informou aoG1 que as equipes do Exército deixaram o local para novas operações de combate a garimpos ilegais no interior do Amazonas.

Fonte: G1

Na área local encontrados quatro abrigos (Foto: Divulgação/2ª Brigada de Infantaria de Selva)

Na área local encontrados quatro abrigos (Foto: Divulgação/2ª Brigada de Infantaria de Selva)

Print Friendly, PDF & Email