Estacione seu carro e deixe a cidade andar!

De bicicleta, a pé, de ônibus, metrô ou qualquer outro meio de transporte. Vale tudo, menos o carro. Esta é a proposta do Dia Mundial Sem Carro (DMSC), comemorado em 22 de setembro e parte do calendário brasileiro desde 2001. A ideia é convidar a população a experimentar novas maneiras de se locomover e refletir sobre os problemas da mobilidade urbana.

Na capital paulista, cidade onde o trânsito causa grandes impactos na vida dos cidadãos, estão previstos sete dias de atividades para celebrar a data. A Semana da Mobilidade vai acontecer de 16 a 22 de setembro e conta com ações que vão desde palestras até intervenções urbanas, como uma praia que será montada em uma praça na Avenida Paulista.

O DMSC começou a ser comemorado na França, em 1997. Inspirada na ideia, em 2002 a União Europeia criou a Semana Europeia da Mobilidade, que serve hoje de modelo para a versão paulistana.

Segundo a Rede Nossa São Paulo, que organiza há seis anos a série de eventos, o principal objetivo da Semana é promover a conscientização dos paulistanos, para que reivindiquem do governo mais ações em prol da mobilidade. “Os congestionamentos provocam impactos na saúde da população, que não possui um sistema de transporte público satisfatório, e geram até prejuízos econômicos para a cidade. É importante que a atenção da sociedade se volte para esta questão”, diz Maurício Broinizi, coordenador da Rede.

Uma pesquisa realizada pelo Ibope mostrou que, em 2010, o paulistano perdia em média 2h42 no trânsito. Em 2011, este número subiu para 2h49. O resultado de 2012 será divulgado na segunda-feira (17), em um evento na Câmara Municipal, que é parte da programação organizada.

Dentre as opções de transporte escolhidas por quem adere ao movimento e deixa o carro na garagem, a bicicleta é a mais popular. Muitos movimentos de ciclistas vão aproveitar a data para pedir mais ciclovias e ciclofaixas na capital paulista. Quem não é de nenhum grupo organizado, ou não tem bicicleta em casa, pode alugar uma. Alguns locais na cidade já oferecem esse serviço. Uma opção é o Movimento Energia Urbana, que disponibiliza bikes para alugar a preços acessíveis, em pontos estratégicos de São Paulo e das cidades da região metropolitana.

Este ano a data vai cair em um sábado, o que pode tornar mais fácil a adesão ao movimento. Participe você também. Convide sua família e juntos descubram novas maneiras de andar pela cidade!

Fonte: Mercado Ético

Estacione seu carro e deixe a cidade andar!

Estacione seu carro e deixe a cidade andar!

Print Friendly, PDF & Email