Desmatamento na Amazônia Legal é menor já registrado

O dia começou com uma boa notícia: em coletiva de imprensa realizada em Brasília nesta terça-feira (27),Izabella Teixeira, ministra do Meio Ambiente do Brasil, anunciou que a taxa de desmatamento da Amazônia Legal caiu 27% entre agosto de 2011 e julho de 2012, em comparação ao ano anterior.

E mais: além de diminuir, o índice de desmatamento na região configurou um recorde. Trata-se da menor taxa já registrada na história das medições da Amazônia Legal, que começaram a ser feitas há mais de 20 anos, em 1988, pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe).

Com a melhora em seu desempenho, o Brasil já conseguiu atingir cerca de 95% de sua meta referente à redução do desmatamento na Amazônia, assumida em 2009, durante a COP15 de Mudanças Climáticas. O país prometeu diminuir a prática no bioma em 80% até 2020, com base nos índices de 2005. Oito anos antes do fim do prazo assumido, a redução já foi de 76,2%.

“Arrisco a dizer que esta foi a única notícia ambiental positiva que o planeta teve neste ano”, afirmou Izabella Teixeira, durante a coletiva de imprensa. Mas, apesar das boas notícias, o índice de desmatamento na Amazônia Legal continua expressivo. Entre agosto de 2011 e julho de 2012 a região perdeu 4.656 km² de floresta – área equivalente a mais de três vezes o tamanho da cidade São Paulo.

Para coibir ainda mais a prática ilegal, a ministra anunciou que, a partir de 2013, novas ferramentas serão usadas para fiscalizar o desmatamento na região. Entre elas, um novo satélite, que permitirá imagens mais detalhadas das florestas, e uma nova forma de autuação, que será feita pelo Ibama por meio eletrônico, a fim de evitar fraudes.

Fonte: Planeta Sustentável

Dados do Ministério do Meio Ambiente revelam que a taxa de desmatamento da Amazônia Legal caiu 27% em doze meses, sendo o menor índice já registrado desde que as medições na região começaram. Com a melhora no seu desempenho, o Brasil atingiu 76,2% dos 80% do desmatamento que se comprometeu a reduzir na Amazônia até 2020

Dados do Ministério do Meio Ambiente revelam que a taxa de desmatamento da Amazônia Legal caiu 27% em doze meses, sendo o menor índice já registrado desde que as medições na região começaram. Com a melhora no seu desempenho, o Brasil atingiu 76,2% dos 80% do desmatamento que se comprometeu a reduzir na Amazônia até 2020

Print Friendly, PDF & Email