Barreiro aposta na eficiência energética para se tornar mais verde

Os semáforos do concelho do Barreiro vão ter as suas fontes luminosas substituídas por leds, o que proporciona uma poupança na fatura energética da autarquia pelo consumo mais baixo na ordem dos 500 mil kWts anuais e um retorno no investimento executado por este num prazo de dois a três anos. Já o Parque da Cidade e Parque Catarina Eufémia vão também ver a iluminação reformulada para uma poupança generalizada entre os 76 e 87 por cento que, para Sofia Martins, vereadora das obras públicas na edilidade, está subentendida numa “ação estratégica no conceito de um concelho mais verde”.

“A Câmara Municipal do Barreiro tem um trabalho de longa data na melhoria da eficiência energética da Iluminação Pública”, afirma Sofia Martins, que verá um retorno do investimento executado nos parques em “sete anos no Parque da Cidade e cinco anos no Parque Catarina Eufémia”. O investimento total nestas medidas de poupança energética supera os 210 mil euros, comparticipados a 50 por cento pelo Programa Operacional da Região de Lisboa (PORLISBOA).

Os parques da cidade passam assim a ter melhores condições para os transeuntes principalmente nas horas noturnas. Sofia Martins, em declarações por escrito ao “Setúbal na Rede”, adianta que a substituição de lâmpadas com baixo rendimento por umas de características técnicas evoluídas “vai possibilitar o maior conforto e segurança ao longo dos locais de circulação dos utentes”.

Relativamente à intervenção nos semáforos, a câmara municipal já procedeu à substituição de um terço do equipamento no concelho, sendo que os restantes serão substituídos pela empresa Soltráfego, numa empreitada que teve início na passada segunda feira, com duração aproximada de 30 dias. “Os comandos semafóricos possuem uma tecnologia antiquada, responsável por uma parcela significativa de consumo energético nas instalações onde estão montados”, explica a vereadora das obras públicas na autarquia.

“Ao nível municipal, esta intervenção integra-se nos objetivos do Pacto dos Autarcas, ao qual o Barreiro aderiu em 2011, onde o município se compromete a ultrapassar as metas comunitárias 2020, reduzindo em 20 por cento as emissões de gases com efeito de estufa, aumentar em 20 por cento a eficiência energética e utilizar 20 por cento de energias renováveis no consumo total de energia”, afirma a vereador das obras públicas na câmara municipal.“A introdução deste tipo de iniciativas irá contribuir para um menor impacto ambiental ajudando Portugal a ir ao encontro da meta estabelecida pela União Europeia para 2020”, prossegue.

Fonte: Setúbal na Rede

Barreiro aposta na eficiência energética para se tornar mais verde

Barreiro aposta na eficiência energética para se tornar mais verde

Print Friendly, PDF & Email