Avanço a partir da Rio+20 depende de financiamento, diz Dilma

A presidente Dilma Rousseff afirmou nesta sexta-feira (22) que o texto final da Rio+20 é apenas “um ponto de partida” e que um próximo passo deve envolver o financiamento de medidas para o desenvolvimento sustentável.

Nações ricas atribuíram à crise econômica a impossibilidade de se comprometerem com recursos para o meio ambiente, e um fundo proposto de 30 bilhões de dólares para ajudar países em desenvolvimento a implantar medidas de proteção ao meio ambiente foi descartado do documento final da Conferência das Nações Unidas sobre o Desenvolvimento Sustentável.

“Um documento de conferência sobre meio ambiente, sobre desenvolvimento sustentável, biodiversidade, a erradicação da pobreza, necessariamente, é um ponto de partida, porque é até aonde as nações chegaram em seu conjunto”, disse Dilma em entrevista coletiva pouco antes da sessão plenária de encerramento da cúpula.

“O que nós temos que exigir é que a partir desse momento as nações avancem. O que nós não podemos conceber é que alguém fique aquem dessa posição. Além dessa posição todos podem ir, todos devem ir”, acrescentou.

O texto final da Rio+20 aprovado nas negociações prévias à reunião de cúpula, que foram lideradas pelo Brasil, recebeu críticas de ambientalistas e de delegações internacionais, principalmente da Europa, que apontaram uma falta de ambição.

A delegação brasileira, no entanto, afirmou que os países europeus foram “contraditórios” ao reclamarem da falta de ambição ao mesmo tempo em que se recusaram a disponibilizar meios de financimento.

“Muitos países não quiseram assinar a questão do financiamento. Uma das formas de se evoluir daqui pra frente é colocar isso na pauta”, disse Dilma. “Os países desenvolvidos não querem que isso seja posto na pauta, e nós queremos que seja posto na pauta.”

A presidente ainda defendeu o resultado da conferência e elogiou a diplomacia brasileira por ter conseguido fechar um documento que será firmado por chefes de Estado e governo no encerramento da reunião.

Dilma disse que suas expectativas prévias para o evento foram “totalmente satisfeitas” e que a Rio+20 mostrou ao mundo que os países emergentes são capazes de realizarem com eficiência cúpulas internacionais de alto nível.

Fonte: Folha.com

Avanço a partir da Rio+20 depende de financiamento, diz Dilma

Avanço a partir da Rio+20 depende de financiamento, diz Dilma

Print Friendly, PDF & Email