Jovens pedem ação contra crise climática

 Crianças e jovens de 120 países exortaram os líderes mundiais a atenderem a crescente crise climática e prevenir desastres naturais que se avizinham sobre o planeta. “Os líderes do mundo devem priorizar o interesse das gerações futuras acima dos seus”, disse à IPS o jovem iraniano Saghar Sedighi, de 14 anos. “Se não nos ouvem, mais desastres como inundações acontecerão”, alertou, por sua vez, Leili Sharif Bakhtiar, também iraniano e da mesma idade, criticando a reticência do governo em integrar temas ambientais em seus programas de desenvolvimento.

Leili e Saghar estão entre os 1.300 jovens e crianças entre dez e 25 anos que participam da Conferência Internacional de Infância e Juventude “Tunza”, iniciada no dia 27 e que vai até o dia 1º de outubro nesta cidade, capital da província de Java Ocidental, na Indonésia. Tunza significa “tratar com atenção e amor”, em língua kiswahili, e a ideia da conferência, patrocinada pelo Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (Pnuma), é sensibilizar os jovens em questões ambientais e ensinar-lhes a cuidar do planeta.

Os participantes da Conferência foram escolhidos entre três mil candidatos com base em projetos ambientais que apresentaram e em seu envolvimento em atividades ecológicas. No encontro são apresentados desenhos feitos pelas crianças e pelos jovens ilustrando a destruição ambiental no planeta. A Conferência, sob o tema “Remodelando nosso futuro por meio da economia verde e uma forma de vida sustentável”, foi inaugurada no dia 27 pelo vice-presidente indonésio, Boediono, que em seu discurso disse que crianças e jovens são donos do futuro, enquanto os atuais líderes são donos do presente. “O futuro pertence às crianças e aos jovens, e os donos do presente devem ouvir os do futuro”, afirmou.

Os participantes assistirão discussões sobre energias renováveis, desenvolvimento sustentável, erradicação da pobreza e iniciativas amigáveis com o meio ambiente. No último dia, os jovens divulgarão uma declaração. “Nossa mensagem aos líderes é muito simples: deixem de cortar árvores e reduzam, reutilizem e reciclem”, disse Shamila Sabajo, do Suriname. “Nunca deixaremos de dar aos líderes essas mensagens simples”, acrescentou.

O diretor-executivo do Pnuma, Achim Steiner, disse que metade da atual população mundial tem menos de 25 anos, e, portanto, os jovens devem ser considerados pelos políticos quando tomam suas decisões. “Foram os jovens que reinventaram nossa economia e a sociedade, e não estão impotentes”, afirmou aos jornalistas após a abertura da conferência.

O Pnuma organiza a conferência de Tunza a cada dois anos desde 1992. Steiner disse que este ano o encontro teria importância especial por acontecer às vésperas da Cúpula da Terra Rio+20, no ano que vem. Nessa oportunidade, líderes mundiais, grupos da sociedade civil, jovens e crianças se encontrarão novamente no Rio de Janeiro para garantir um compromisso político pelo desenvolvimento sustentável, avaliar progressos feitos em compromissos internacionais e enfrentar novos e emergentes desafios.

Steiner disse que a cúpula de 2012 será diferente, já que “o tamanho do problema é maior, talvez mais do que a geração passada imaginou”. Para ele, as emissões de dióxido de carbono aumentaram quase 10% desde 1992, devido ao contínuo consumo de combustíveis fósseis para automóveis e geração elétrica. No mesmo período, as temperaturas globais médias também aumentaram 0,4 grau.

Steiner disse que as áreas florestais perderam 300 milhões de hectares desde o começo dos anos 1990, e mais da metade das reservas de peixes se esgotou, contra apenas 13% em 1992. O diretor também destacou vários êxitos em diversos países. “As áreas protegidas cresceram 8,6% em 1992 para mais de 12%. “Em 2010, US$ 211 bilhões foram investidos em energias renováveis, mais do que em petróleo, carvão e outros combustíveis fósseis. “O mundo não pode esperar outros 20 anos por uma resposta significativa e que mude as regras do jogo. Tem de ser agora”, destacou Steiner.

Fonte :ENVOLVERDE/ IPS _ Kanis Dursin

 

Print Friendly, PDF & Email