Gasolina, etanol ou esgoto?

Com investimento de R$ 6 milhões, um projeto-piloto reutilizará o gás residual do tratamento de esgoto como combustível para automóveis. A iniciativa será implantada pela Companhia de Saneamento Básico de São Paulo (Sabesp) na cidade de Franca, interior paulista. 85% do investimento do projeto virá do governo da Alemanha por meio da Iniciativa Internacional de Proteção Climática, do Ministério do Meio Ambiente, após a Sabesp firmar convênio com o Instituto Fraunhofer, da cidade de Stuttgart.

O pesquisador da área de Biotecnologia Ambiental e Engenharia de Bioprocessos do Instituto Fraunhofer, Werner Sternad, explicou que a estação de tratamento de esgoto (ETE) de Franca será equipada com um biodigestor que vai captar diariamente 2.700 m³ de biogás e irá enriquecê-lo com a inserção de componentes químicos para que se transforme em 1.800 m³ de biometano.

Um metro cúbico de biometano equivale a um litro de gasolina. Este produto resultante do tratamento do esgoto será aplicado na frota de veículos da Sabesp que atende a região de Franca, nesta fase de testes.

49 veículos da Sabesp serão abastecidos com este gás e, segundo o superintendente de pesquisa e desenvolvimento e inovação tecnológica da companhia, essa iniciativa resultará numa economia de 1,8 mil litros de gasolina.

Na Alemanha, a tecnologia já existe há 15 anos, mas o biogás proveniente do tratamento de esgoto é destinado à produção de energia elétrica. O governo oferece um incentivo de 0,14 centavos de euro por KWh, até 2020. Essa é uma das várias iniciativas alemãs para limpar matriz energética do país.

Com informações de G1.

Fonte: Envolverde
Gasolina, etanol ou esgoto?

Gasolina, etanol ou esgoto?

Print Friendly, PDF & Email