Canadá pode abandonar Protocolo de Quioto em dezembro

Veículos de imprensa canadenses noticiaram nesta segunda-feira (28) que o país deve anunciar no dia 23 de dezembro sua saída oficial do Protocolo de Quioto, informação que não foi confirmada pelo governo.

Em uma coletiva na Conferência do Clima de Durban (COP17), o ministro do Meio Ambiente do Canadá, Peter Kent, não quis comentar o assunto, mas aproveitou para reforçar que não assinará uma possível extensão do Protocolo e afirmou que “Quioto é passado”.

Segundo o ministro, o tratado não faz nenhum sentido já que deixa de fora grandes emissores de gases do efeito estufa, como os países emergentes.

“China, Índia e Brasil devem parar de usar o histórico de emissões das nações ricas como uma desculpa para não terem metas. Se querem que a COP17 acabe em um acordo, esses países terão que ceder”, afirmou Kent.

O governo conservador canadense chegou ao poder em 2006 e declarou que não tinha interesse em respeitar o compromisso firmado no Protocolo de Quioto de reduzir suas emissões em 6% até 2012 com relação ao nível de 1990.

Assim, as emissões canadenses na realidade aumentaram mais de 30% nos últimos 20 anos.

“Se a decisão de abandonar Quioto for confirmada será um ato de sabotagem. O Canadá se tornará um pária global”, alertou Elizabeth May, líder do partido Verde.

Fonte: Instituto Carbono Brasil

Canadá pode abandonar Protocolo de Quioto em dezembro

Canadá pode abandonar Protocolo de Quioto em dezembro

Print Friendly, PDF & Email